Quatro Rodas

MotoGP: Dovizioso assina por mais dois anos com a Ducati

Piloto italiano é a principal aposta da marca para conquistar os campeonatos de 2019 e 2020

18/05/2018 09:05

Depois de meses de negociações o piloto italiano Andrea Dovizioso e a Ducati entraram em acordo para a renovação de contrato incluindo as temporadas 2019 e 2020. “Desmo Dovi” hoje é o piloto mais promissor da equipe vermelha, após disputar o título com Marc Marquez (Honda) em 2017 quando todos esperavam que a cara contratação de Jorge Lorenzo seria responsável por fazer a equipe retornar aos tempos vitoriosos de Casey Stoner. 

O imbróglio se estendeu porque Dovi ganhava seis vezes menos que Lorenzo e as renovações dos principais pilotos para assegurá-los por mais dois anos começaram a ser anunciadas nesta pré-temporada, com um ano de antecedência para 2019. O vice-campeão começou 2018 vencendo, novamente à frente do companheiro de equipe espanhol, e pediu aumento de salário correspondente aos resultados para continuar na Ducati, enquanto outras fabricantes como a Honda ainda tinham vagas a preencher e assediavam os pilotos com melhores resultados, o que aconteceu com Dovi e Johann Zarco. 

Agora que a Ducati garantiu a permanência de seu piloto com maior potencial de resultados, fica pendente a situação de Jorge Lorenzo. A fabricante já disse que ele teria de aceitar uma redução de salário devido à falta de resultados e adicionalmente o espanhol criou animosidade com o companheiro e embaraço à equipe em situações de disputa pela liderança do campeonato a favor de Dovizioso. Portanto a disposição dos italianos em mantê-lo é limitada e as possibilidades de mudança para outros times agora são poucas para o tricampeão. 

 

Copyright Duas Rodas. Para adquirir direitos de reprodução de conteúdo, textos e/ou imagens: marcelo@revistaduasrodas.com.br

APLICATIVO



INSTAGRAM