Quatro Rodas

MotoGP: Ducati é mais rápida dos três dias de testes

Quatro motos italianas lideraram os tempos de volta, seguidas de Yamaha e Honda

08/02/2019 09:00

Os três dias de testes pré-temporada da MotoGP em Sepang, na Malásia, terminaram nas primeiras horas desta sexta-feira (8). Diferentes componentes e ajustes foram avaliados pelas equipes nas motos de 2019 ao longo dos dias, por isso os menores tempos de volta de todas as fabricantes foram obtidos no final da programação. Quatro Ducati lideraram os treinos com tempos a partir de 1min58s239: as duas oficiais, com Danilo Petrucci à frente de Andrea Dovizioso, e as duas satélites da Pramac. 

Yamaha e Honda se intercalaram nas posições seguintes do combinado dos três dias, com tempos a partir de 1min58s644. Os resultados mostram um movimento consistente de recuperação da Yamaha liderado por Maverick Viñales, com Valentino Rossi atrás de Franco Morbidelli (satélite Petronas). Já a Honda ainda não revela todo o potencial da equipe, porque o menor tempo foi obtido pela satélite LCR com Cal Crutchlow. Os pilotos oficiais estão se recuperando de cirurgias, então Marc Márquez rodou pouco após operar um ombro e Jorge Lorenzo sequer participou dos treinos, por causa da mão imobilizada depois da fratura em uma queda. 

Aprilia, Suzuki e KTM rodaram acima de 1min59. Completando o balanço com as disputas internas entre pilotos nas equipes, Aleix Espargaró puxou os tempos da Aprilia 1s5 mais rápido que Andrea Iannone; na Suzuki Alex Rins ficou 0s3 à frente do estreante vindo da Moto2 Joan Mir; e na KTM o recém-chegado Johann Zarco terminou 0s1 mais rápido que Pol Espargaró. 

A primeira prova da temporada 2019 da MotoGP ocorrerá no Catar, em 10 de março. 

 

©Copyright Duas Rodas. Para adquirir direitos de reprodução de conteúdo, textos e/ou imagens: marcelo@revistaduasrodas.com.br                       

 

APLICATIVO



INSTAGRAM