Próximo lançamento da Yamaha deve ser Fazer 250 reestilizada

Depois da MT-03, próxima na fila de atualizações é a Fazer seguindo novo estilo da família MT

11/09/2020 20:00

Em tempos de modelos globais e busca por economia de escala, há pouca margem para diferenças locais. Por isso, uma vez lançada a atualização de um modelo no exterior, se também for vendido no Brasil provavelmente estará aqui assim que o estoque local do modelo antigo terminar.

A MT-03 reestilizada está chegando às concessionárias neste mês, nove meses após estrear nas ruas europeias. E entre os modelos internacionais que fazem parte da linha Yamaha no Brasil, agora falta lançar localmente a reestilização da Fazer 250 já à venda na Índia. 

A geração atual comercializada no Brasil desde o final de 2017 nasceu no país asiático. Foi um projeto que desde a concepção teve o mercado nacional definido como outro prioritário.

Em fevereiro deste ano a Yamaha exibiu na Índia a FZ 25 renovada, que efetivamente só chegou às ruas em julho. O novo design teve a patente registrada pela subsidiária brasileira no INPI ainda no primeiro semestre e a sequência da recente apresentação da MT-03 2021 deve ser a Fazer renovada.

As mudanças se concentram na dianteira novamente inspirada pela MT-03. A 250 de 1 cilindro também receberá o farol de LED com um pequeno canhão sobre o qual há luz diurna de LEDs (já tem farol de LED, mas a luz diurna é incandescente).

Na Fazer reestilizada não haverá o conjunto full-LED como na irmã bicilíndrica, porque as luzes de direção continuarão as mesmas com lâmpada incandescente e lente cristal em formato de gota.

Outra mudança é o painel digital que passa a ser LCD do tipo negativo, com fundo escuro, mantendo layout e funções. A atualização cosmética termina com a adoção da cor preta nos plásticos das entradas de ar e tampas laterais, hoje pintadas de prata. 

Na parte mecânica não houve alterações relevantes na Índia, exceto por atualizações para as normas locais de emissões. O motor homologado para o Brasil é flex e rende 21 cv a 8.000 rpm e 2,1 kgf.m a 6.500 rpm, com refrigeração a ar e radiador de óleo, comando simples e 2 válvulas. Câmbio segue de 5 marchas, suspensões e freios com os mesmos componentes. O preço do modelo atual é de R$ 17.190. 

 

©Copyright Duas Rodas. Reprodução proibida de textos e imagens, total ou parcial.